PARQUE NACIONAL DA PENEDA GERÊS

1998-05-22 (Sexta-feira)

Uma nova incursão através dos tesouros que o nosso Parque Nacional nos reserva. Utilizando os velhos caminhos dos pastores e guiados pelos mariolas teremos oportunidade de visitar alguns dos símbolos da serra do Gerês.

Sábado - Da ponte do Arado, acompanhando ribeiros selvagens e calcorreando os maciços de granito visitaremos os Ovos e o Borrageiro ,1431 m, - magnífico panorama, desceremos ao Cumalhão e acabaremos por chegar às Caldas do Gerês acompanhados pelas águas do Ribeiro da Figueira.

Domingo - Entre o vale do Homem e o vale do Gerês, de Campo de Gerês ou S. João do Campo até à Junceda, sem perder de vista a Serra Amarela.
Desvio até à Calcedónia - um outro símbolo.

Alojamento: Parque de Campismo da Cerdeira - Campo de Gerês, onde pernoitaremos duas noites. Alojamentos alternativos a contactar directamente pelos interessados, por exemplo: Residencial STOP 053
3511291.

Características dos percursos:
1º dia - as subidas vencer-se-ão facilmente, descidas com alguma dificuldade. Algumas passagens morosas devido ao pouco uso dos caminhos. Aproximadamente 8 horas de marcha para cerca de 18 km em ritmo calmo. Abastecimento de água no início.
2º dia - percurso fácil, caminhos por vezes pedregosos e algum mato. Possibilidade de subir entre as rochas à Calcedónia. Cerca de 10 km, incluindo a Calcedónia.
Observações: Uso de botas imprescindível. Restantes cuidados habituais das marchas de montanha.
Partida: Sexta-feira 22 às 20h30 de Algés e 20h45 do C.Pequeno.
Participação em viatura própria: É possível. Os eventuais participantes terão de ter em conta uma distância de cerca de 20 km entre a partida e a chegada no 1º dia e de cerca de 5 km no 2º dia.
Sábado, 23 - Concentração na Ermida do Gerês à 9 horas e chegada às Caldas do Gerês.
Domingo, 24 - Partida do Campo do Gerês às 9h30 e chegada a Fonte de Lamas (cruzamento do estradão para a Junceda com a estrada que sai do museu de Vilarinho das Furnas para as Caldas do Gerês

Local: Ermida do Gerês