Companhia das lezírias ... e o mundo encantado

Um local mágico aqui tão perto
2009-09-12 (Sábado)

História do local: 

« A Companhia das Lezírias é a maior exploração agro-pecuária e florestal existente em Portugal, compreendendo a Lezíria de Vila Franca de Xira, a Charneca do Infantado, o Catapereiro e os Pauis (Belmonte e Lavouras).

A Lezíria está compreendida entre os rios Tejo e Sorraia e é sub-dividida pela Recta do Cabo (E.N. 10 entre Vila Franca de Xira e Porto Alto) em Lezíria Norte e Lezíria Sul.

A Lezíria Norte é constituída por cerca de 1.300 hectares (ha) explorados indirectamente (rendeiros).

A Lezíria Sul é constituída por cerca de 5.000 ha, dos quais 3.000 ha são explorados indirectamente (rendeiros) e 2.000 ha estão afectos a pastagens e/ou à produção de forragens.

A seguir à área de pastagens / forragens, a cultura predominante é a do arroz num total de 650 ha, seguida de 140 ha de milho (sob pivot).

Nos Pauis de Belmonte e Lavouras, num total de 460 ha, cultiva-se arroz.

A Companhia das Lezírias passou por muitas vicissitudes, sendo nacionalizada em 1975 e tendo passado, em 1989, a Sociedade Anónima de capitais maioritariamente públicos.

Desde 1997, a Companhia das Lezírias vem consolidando a sua situação, quer sob o ponto de vista tecnológico, quer financeiro, baseada numa filosofia de desenvolvimento sustentado. »

In http://www.cl.pt/ 

Descrição da actividade: 

Encontro na Coudelaria de Braço de Prata, onde haverá oportunidade para o café antes da caminhada.

A seguir ser-nos-á feita uma breve apresentação da Companhia e do Cavalo Lusitano.

Da parte da manhã teremos um passeio pedestre que, entre outros locais, passará pela barragem de Vale Cobrão, barragem do Adique e Montado de Sobro. O caminho far-se-á numa zona de pinhal.

Da parte da tarde iremos visitar a adega do Catapereiro, as vinhas, os olivais, o gado e a produção de arroz.

Desta forma, conseguiremos ter uma abordagem bastante abrangente do que é esta grande exploração. 

Características do percurso: Entre 10 a 12km, em terreno relativamente plano, sem grandes dificuldades. Aconselha-se calçado apropriado, protector solar e chapéu, bem como o farnel para piquenicar na barragem. 

Cartografia: Folhas 404 e 405 da Carta Militar de Portugal na escala 1/25000 do IGE. 

Partida: Às 8h00 de Algés e às 8h15 de Sete Rios. 

Dadas as características específicas da actividade, não é possível a participação em viatura própria.


Preços:
Autocarro 26,00€ / Men. de 21 anos 16,00€