Dia do Ambiente do CAAL

A Quinta do Pisão e a Duna da Cresmina
2018-06-16 (Sábado)

Por motivos alheios ao CAAL não foi possível organizar, nesta data, a Caminhada Solidária que nos tínhamos proposto efectuar no dia do Ambiente do CAAL.

Assim, no próximo dia 16 de junho vem connosco comemorar o Dia do Ambiente do CAAL na Quinta do Pisão - Parque de Natureza, durante a manhã e início da tarde.

Esta quinta, criada pela Câmara Municipal de Cascais, “... pretende salvaguardar este património natural, cultural e histórico, dinamizando a paisagem humanizada e o espaço natural. Para esse efeito toda esta área está aberta à visita e … desenvolvem-se diversas actividades de Natureza.”

 A nossa visita guiada à quinta irá começar no Centro de Interpretação Casa da Cal.

 Actividades existentes na Quinta:

Horta da Quinta: Os produtos são biológicos e certificados, da época. Podem ser colhidos directamente da terra pelos visitantes. Estão também à venda ervas aromáticas, mel, marmeladas, compotas caseiras e lenha ensacada.

Horário: 9h00-13h00 (ao sábado).

 Animais: Para além dos burros lanudos, a Quinta do Pisão tem também alguns cavalos e um núcleo de ovelhas e borregos da raça campaniça. Mas ali vive ainda toda uma fauna específica do espaço natural do Pisão.

Passeio Interpretativo: Este passeio marcado pretende desafiar-nos a aventurar pelos caminhos existentes.

Observação de aves e identificação da flora: Ao longo dos vários caminhos encontram-se painéis interpretativos com identificação das espécies de aves e flora mais significativas que podem ser vistas/identificadas no local.

Exposição LandArt: Na Quinta do Pisão está patente a exposição LandArt Cascais, onde são exibidas obras de artes que, pela sua natureza, não poderiam estar confinadas numa galeria.

 Ao fim da manhã teremos o nosso picnic num salutar convívio.

Da parte da tarde:

Cerca das 15h30 os companheiros que o desejarem rumarão, em viatura própria, até ao Núcleo de Interpretação da Duna da Cresmina (Rua da Areia, Cresmina Guincho - Cascais), de onde partiremos para um percurso pedestre (1,5km) ao longo de passadiços, através das dunas do Guincho, observando a fauna e flora únicas associadas a este sistema dunar.

Todo o percurso é acompanhado por painéis informativos, onde os visitants identificam as várias espécies animais e vegetais.

Hora e local de encontro


Às 10h00 na Quinta do Pisão de Cima, Estrada EN9-1 (junto à Barragem do Rio da Mula), estrada que liga o Linhó (EN9) à Malveira da Serra. Existe parque de estacionamento no interior da quinta, junto ao Centro Interpretativo Forno da Cal (ver croqui de acesso no flyer da Quinta do Pisão).  A descrição para acesso à Quinta do Pisão é: 

Vindo de Lisboa, pela Av. Marginal (N6) ou A5 (saída 12), deve seguir em direção à Malveira da Serra, pela N9-1. Na Malveira da Serra siga as indicações de Lagoa Azul. Após 4 km pela Est. da Serra encontrará à direita a entrada principal da Quinta do Pisão. Vindo de Sintra ou do IC19, no Arco Ramalhão deve seguir as indicações de Cascais\Estoril, tomando a N9 durante 2,7 km. Vire à direita aquando da indicação de Lagoa Azul. Siga pela Est. da Serra durante 3,5 km, passando a Lagoa Azul, e encontrará à sua esquerda a entrada principal da Quinta do Pisão

Inscrição no local: 6,00€ (inclui seguro). Quem tiver seguro da Federação Portuguesa de Montanhismo e Escalada (FPME) paga 5,00€.

Prevê-se que a actividade esteja terminada pelas 18h00.

Recomendações: Levar sapatos de caminhada, farnel, água, protector solar e saco para as ‘mercas’.