Do Estoril a Cascais…

… de comboio e a pé
2020-03-08 (Domingo)

 


 

Já há fotos!

Todas as fotos do Carlos Góis em https://cpagsrocpt-my.sharepoint.com/:f:/g/personal/csgois_cpag-sroc_pt/Erbk2gcZGsJOvciOjPXetYgB-DMc8CRvIlj6VBmVfQjU0Q?e=XpPeU6 

 

 

 

 

 

 







Sabiam que...

...o Sud Express, que originalmente ligava Lisboa a Calais por Madrid e Paris, durante algum tempo também foi ao Estoril, na Linha de Cascais, utilizando o sistema de carruagens directas?

Na década de 1930, e após a Primeira Guerra Mundial, o Sud Express passou a ter uma carruagem directa para o Estoril, permitindo a deslocação de turistas ricos da Europa Central, e contribuindo para a celebrização da Costa do Estoril como um destino de férias internacional.

Em 2020 o CAAL irá também ao Estoril de comboio, partindo desta vez do Cais do Sodré às 8h00 e chegando ao Estoril pelas 8h36.

Após percorrermos a área adjacente à estação, iremos em direção ao centro de Cascais pelo paredão ribeirinho, apreciando algumas das praias da zona e alguns belos exemplares de imóveis que chegaram aos dias de hoje.

Às 10h00 visitaremos o renovado Museu da Vilaonde é possível percorrer a história da vila e do concelho, desde o Neolítico até ao início do século XX. O Museu exibe ainda algumas soluções multimédia inovadoras, que permitem ao visitante navegar pela história de Cascais.

Após esta visita, iremos em direção à zona da Marina de Cascais, visitar o Forte de Nossa Senhora da Luz de Cascais, a Torre de Sto António de Cascais e o Palácio da Cidadela de Cascais.

Fortaleza Nossa Senhora da Luz é unanimemente considerada um dos mais relevantes patrimónios edificados em Cascais. Congénere das Torres de Belém e da Caparica, a Torre de Santo António, na génese de todo o conjunto fortificado da Cidadela (terminado no século XVII), foi mandada construir por D. João II em 1488. Perto, teremos oportunidade de avistar o Mareógrafo de Cascais. O Palácio Real da Cidadela de Cascais, que visitaremos, é actualmente residência de verão do Presidente da República.

Terminada a visita, teremos cerca de 40 minutos de tempo livre, recomeçando a actividade pelas 14h00 visitando o Centro Cultural de Cascais, edifício secular, que nasceu da reabilitação do antigo Convento de Nossa Senhora da Piedade. Abriu as suas portas a 15 de maio de 2000 e constitui hoje um espaço multidisciplinar, especialmente vocacionado para as artes visuais.

De seguida esperam-nos:

- o Museu do Mar (visita guiada) renomeado Museu do Mar - Rei D. Carlos, em 1997, e que está sedeado no edifício do antigo Sporting Club de Cascais, fundado em 1879 pelo então Príncipe Carlos

- a Casa das Histórias Paula Rego (visita guiada), projeto de arquitetura de Eduardo Souto de Moura, Prémio Pritzker 2011; a Casa das Histórias Paula Rego foi inaugurada em setembro de 2009. É o mais internacional espaço museológico do concelho. Em 2006, Paula Rego escolheu Cascais para a construção da ‘sua’ Casa das Histórias, que exibe um conjunto significativo da sua obra gráfica e algumas obras do marido, Victor Willing, artista e crítico de arte, falecido em 1988

- o Museu-Biblioteca Condes de Castro Guimarães, onde poderá apreciar peças de grande valor artístico e documental, incluindo obras de arte que retratam Cascais, de autores portugueses e estrangeiros, louça indo-portuguesa e uma excelente sala de arqueologia. Merece também destaque a biblioteca, com cerca de 2500 volumes raros.

Terminaremos a actividade junto ao Farol de Santa Marta a ver o pôr do sol, depois de, esperamos nós, um dia bem passado.

O preço da atividade - 10,00€ - inclui todas as entradas e seguro.

Para quem quiser partir do Cais do Sodré, a concentração é às 7h45, para partirmos no comboio das 8h00.

Os participantes deverão comprar o seu bilhete junto da CP.

É imprescindível a inscrição na secretaria do Clube.