Actividades Realizadas - as últimas 1000

Entre 1996 e 2001 a maior parte das actividades do CAAL foram divulgadas na Base de Dados "Ar Livre". O companheiro Rui Abreu, responsável pela referida base de dados, disponibilizou o conteúdo da mesma para inclusão no site do CAAL (a ele o nosso muito obrigado).

Esta informação em conjunto com informação recolhida mais recentemente, mesmo tendo por vezes um carácter eminentemente divulgador, constitui um importante ponto de partida para o levantamento das actividades realizadas pelo CAAL e dá uma ideia da quantidade e variedade de actividades organizadas pelo Clube. De notar que o CAAL nasceu em 1985 e esta informação, para além de incompleta, não contempla os primeiros 10 anos de vida do Clube, igualmente ricos em actividades.

Aos poucos, temos vindo a disponibilizar para algumas actividades documentação adicional reunida após a sua realização (e.g. fotos, textos distribuídos).


AnoAssuntosLocalização

ROTEIRO DO ENDOVÉLICO

1996-10-26 (Sábado)

(Terena - Alandroal)
26 de Outubro (sábado)

Será este o tema do nosso passeio que irá decorrer na área do concelho do Alandroal em Outubro. É um passeio vocacionado para os amantes da Arqueologia e da natureza. No meio de colinas de xisto encontraremos imensos testemunhos do passado.
Em torno da ribeira de Lucefecit, que vamos atravessar, encontram-se vestígios de monumentos que teremos oportunidade de visitar e descobrir como:

GUIMARÃES

1996-10-19 (Sábado)

18, 19 e 20 Outubro

O C.A.A.L. convida-vos para uma viagem até ao Baixo Minho, ao berço da nacionalidade. Será uma actividade centrada na descoberta da Guimarães histórica e medieva, a que não podia faltar a ligação pedestre entre o Castro de Sabroso e a Citânia de Briteiros. Preparámos um programa que certamente vos agradará:
6ª feira 18 OUT - Partida de Lisboa e alojamento no Parque de Campismo da Penha, serro granítico e mirante natural (617m).

UMA VISITA ENTRE A HISTÓRIA E A LENDA

1996-10-12 (Sábado)

Batalha a Porto de Mós
Sábado, 12 de Outubro

Um passeio por locais plenos de recordações e onde a realidade toca a ficção, um mosteiro onde a beleza e a técnica se encontram de mãos dadas, uma árvore sob a qual orou D. Nuno Álvares Pereira, uma capela onde o forasteiro se pode refrescar enquanto recorda a batalha de 14 de Agosto de 1385, os moinhos de Porto de Mós e o caminho das antigas minas, um castelo de lenda...


ALENQUER E O SEU TERMO

1996-10-06 (Domingo)

3ª Marcha CCC (Caminhadas Curtas de Convívio)
6 de Outubro de 1996 (domingo)

Por entre vinhedos, com passagem por Meca foi o desafio que anunciámos no Calendário de Actividades para o corrente ano.
Será este o tema do nosso passeio, por entre quintas e solares das antigas vinhatarias, no cenário magnífico do vale do rio Alenquer, terminando na simpática aldeia de Meca, célebre pela romaria de Santa Quitéria a 24 de Maio, onde são benzidos os rebanhos de gado, enfeitados de buxo e flores.

XI ANIVERSÁRIO - NAZARÉ

1996-09-28 - 1996-09-29 (Sábado - Domingo)

VAMOS FAZER A FESTA NA NAZARÉ !


CURSO DE INICIAÇÃO AO MONTANHISMO - CIMO II

1996-09-21 (Sábado)

Para quem já desesperava, aqui está o anúncio do CIMO II: Novos percursos e experiências que constituem o prolongamento natural do CIMO I.
Mantém-se o modelo do CIMO I, com seis dias de sessões práticas (três fins de semana), completados por três sessões teóricas. As sessões práticas terão a forma de ‘expedição’ com acampamento ou pernoita em abrigo.
Como no CIMO I, prometem-se lugares e percursos bonitos e difíceis de conhecer noutras circunstâncias.
Sessões práticas
-Expedição à Serra da Freita - 21 e 22 de Set. :

SEIXAL . EM TORNO DOS MOINHOS DE MARÉ.

1996-09-15 (Domingo)

(Percurso pedestre e passeio de barco tradicional)
15 de Setembro de 1996 (domingo)

Para o reinício da temporada o C.A.A.L. convida os seus sócios a participarem numa actividade mista de passeio a pé e de barco tradicional, numa área periférica de Lisboa, mas que nos surpreenderá pela sua beleza.

Esta actividade proporcionará a oportunidade de visitar e observar:
- Moinhos de maré desactivados, excepto o de Corroios;
- Ruínas de uma olaria romana;
- Antigas instalações de seca do bacalhau.
Características da actividade

SETÚBAL NOCTURNA

1996-07-20 (Sábado)

Depois do êxito de outras actividades nocturnas realizadas em anos anteriores, propomos visitar Setúbal num belo sábado de verão.
Descrição da actividade

DO LITORAL DE PORTO NOVO À CONSOLAÇÃO

1996-07-13 (Sábado)

O percurso tem início nas arribas junto à Praia de Porto Novo e termina na Praia da Consolação, conhecida pelas curas milagrosas que proporciona no que respeita a reumatismo e doenças dos ossos.
A actividade desenvolve-se ao longo das arribas da linha de costa passando por praias bonitas, iodadas e desertas como sa de Ribamar, Porto Dinheiro, Porto das Barcas, Peralta, Paimogo e S. Bernardino.
A vista proporcionada do alto das arribas é deslumbrante.

WORKSHOP DE ESCALADA EM ROCHA

1996-07-13 (Sábado)

Uma ocasião de relembrar e pôr em prática os seus conhecimentos de escalada em rocha, assistido por monitor

Informações na sede do clube
Inscrições limitadas


COSTA VICENTINA - VILA DO BISPO A SAGRES

1996-07-06 - 1996-07-07 (Sábado - Domingo)

Em 1991 o C.A.A.L. iniciou um projecto de divulgação junto dos seus sócios da Área de Paisagem Protegida do Sudoeste Alentejano e da Costa Vicentina. Nesse ano 150 sócios calcorrearam os areais de Sines a Porto Covo.
Este ano o 6º troço será a descoberta do litoral do concelho de Vila do Bispo com términus no mítico promontório de Sagres.
Acompanhe-nos na descoberta do litoral mais esplêndido da Europa e venha connosco conhecer:
- A geologia com as espectaculares arribas, as imensas praias, os xistos e os calcáreos;

2ª Marcha C. C. C.

1996-06-30 (Domingo)

De Ferreira do Zêzere a Dornes - Por Terras de templários...
30 de Junho de 1996 (domingo)

De novo convosco as marchas C.C.C..
Desta vez no Ribatejo.

Características do percurso

ARRÁBIDA A NOSSOS PÉS

1996-06-15 (Sábado)

DIA 15 de Junho de 1996 (SÁBADO)
ACTIVIDADE EXTRA-CALENDÁRIO

Depois de outras actividades já realizadas na Serra da Arrábida e em seu redor, está na altura de se lá voltar.
Desta vez propõe-se um belo passeio a começar no Castelo de Sesimbra e a terminar na praia do Portinho. Sempre ao longo da crista da falésia, pela Serra do Risco - em pleno Parque Natural da Serra da Arrábida - temos de um lado o azul do mar e do outro o verde/castanho dos campos.
Descrição da actividade

A VILA DE SOURE - BERÇO DO MANUELINO

1996-06-06 (Quinta-feira)

BACIA DO BAIXO MONDEGO I - O RIO ARUNCA
ACTIVIDADE EXTRA-CALENDÁRIO
6 de Junho de 1996 (5ª feira) - feriado nacional

O C.A.A.L. associa-se às comemorações nacionais do V centenário da subida ao trono do rei D. Manuel I que decorrem na vila de Soure, tendo como ponto alto a notável exposição de arte renascentista organizada pelo CNCDP e pela autarquia local.
Complementando a vertente cultural propomos um percurso pedestre muito fácil à descoberta do rio Arunca, afluente do Baixo Mondego. A actividade permitirá conhecer:

QUANDO O CAMINHEIRO VIRA MARINHEIRO

1996-06-01 (Sábado)

1 e 22 de Junho - sábado
(Reserva Natural da Berlenga - 1 bota)

Dando continuidade ao programa de visita a Parques e Reservas Naturais concretizado em anos anteriores, e em conformidade com a apresentação feita na sede do Clube no passado dia 23 de Março, vamos este ano à ILHA DA BERLENGA, nos dias 1 de Junho (1º grupo) e 22 de Junho (2º grupo).
Seguiremos em autocarro até Peniche, onde apanharemos, às 10h00, a carreira regular de barco até à ilha, da qual regressaremos no final da tarde.

PARQUE NATURAL DA SERRA DA ESTRELA

1996-05-25 (Sábado)

25 e 26 de Maio
Por outros trilhos da Estrela...

Maio, mês das flores...
Depois do degelo deste último Inverno, assaz rigoroso, eis que a serra ressurge coberta pelo seu manto polícromo de flores e cervunais reverdejantes, tão peculiares nesta zona e que lhe emprestam uma beleza única.
Vamos deliciar-nos durante estes dois dias não só com o colorido e os aromas da sua tão rica e variada flora, como também com o espraiar da vista pelos horizontes sem fim que se vislumbram das suas altas vertentes que teremos ocasião de calcorrear.


PARQUE FLORESTAL DE MONSANTO

1996-05-11 - 1996-05-19
1996-05-11 (Sábado)
1996-05-19 (Domingo)

11 e 19 de Maio - sábado
(Com visita ao Parque Ecológico)


CIMO - CURSO DE INICIAÇÃO AO MONTANHISMO

1996-05-01 - 1996-05-19
1996-05-01 (Quarta-feira)
1996-05-05 (Domingo)
1996-05-11 - 1996-05-12 (Sábado - Domingo)
1996-05-18 - 1996-05-19 (Sábado - Domingo)

Sessões práticas - 1, 5, 11, 12, 18 e 19 de Maio

AS GENTES DE ÍLHAVO

1996-05-18 (Sábado)

A pesca, a agricultura e a indústria
18 e 19 de Maio - (sábado e domingo, com partida 6ª feira à noite)

As gentes de Ílhavo são um exemplo de comunidade matriarcal em Portugal. São com efeito as mulheres que gerem os destinos familiares de grande parte destas gentes. As razões deste comportamento prendem-se com o tipo de vida dos homens da região, desde sempre vocacionados para a pesca e que teve o seu apogeu nas décadas de 30 a 50 com as grandes campanhas do bacalhau.

PELOS LABIRINTOS DA SERRA

1996-05-11 (Sábado)

Orientação para todos, sábado 11 de Maio
Serra de S.to António (Candeeiros)

O Clube de Actividades da Ar Livre convida-vos para mais um dia bem passado, em que vos oferecemos a possibilidade de escolherem o programa que melhor se adapte aos vossos desejos.